Pequeninos na Nigéria - Leia!

A Missão Continua! Ajude!

Missão Nigéria

Caminho Nações

Programa Mão Única - Ouça!

NÃO VAMOS TIRAR FÉRIAS NO CAMINHO!

>> quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Gente boa de Deus, paz e bem!

Após meu retorno de um breve período de férias, exponho algumas de minhas reflexões, compartilhando-as com os irmãos queridos!

Viajei com minha família e foi maravilhoso poder descansar e desfrutar de momentos preciosos com minha família e isso num lindo lugar, belíssima criação de Deus! Essa viagem foi planejada durante alguns anos, pois sentimos a necessidade de descanso, por conta de uma rotina árdua de trabalho, bem como sentíamos a necessidade de um tempo de deleite com a família! Assim, creio que é legítimo e saudável o descanso e a “reposição” de carga para seguir adiante, isso, independente do lugar para onde se vá, mas tem muito haver com o desejo de assossegar o coração!

Onde pretendo chegar com essa introdução?

Na verdade, quero dizer algo aos caminhantes: “Não vamos tirar férias no Caminho!”

Me explico! Digo isso a todos que tem desejo de servir e de desenvolver seus dons! Na verdade, quero estimular a todos (a partir de mim) a servir com alegria, graça e a exercer seus dons, os quais são dados por Deus! Assim, se você desenvolvia um trabalho quando ainda caminhava dentro do sistema religioso (e muitos faziam com zelo por amor ao Senhor), quanto mais nesse tempo, de volta ao Evangelho puro e simples e de serviço livre e consciente, sem necessidades de relatórios, sem cobranças exacerbadas, sem “metas” a serem cumpridas, enfim, é tempo de servir ao Amor pelo Amor! Desse modo, faço a seguinte colocação: se você ensinava antes, ensine muito mais e agora, posto que seja o ensino da Verdade; se você cantava ou tocava, faça isso! Se pregava, pregue! Enfim, seja livre pra ser e seja conforme o dom de Deus que há em ti! Dessa forma, creio que iremos caminhar cada vez mais livres, adorando ao nosso Deus, que nos capacita a Ser, e não a fazer!

Quanto às férias, claro que todos carecem de descanso e refrigério, porém, o que quero dizer, é que férias no fluxo da vida é um breve momento, e que não devemos fazer da caminhada férias constantes, ou seja, Nele devemos nos mover, viver e existir!



Abraço carinhoso!



Nele, que aos seus amados dá enquanto dormem!



Neilon Carlos

24/01/2012

Read more...

Sabe, amigos...

>> sábado, 8 de outubro de 2011



Sabe, amigos...

Estava aqui olhando a fruteira de casa e vendo como algumas frutas ao não serem consumidas, comidas, degustadas, vão perdendo sua validade, seu "timing" e logo depois começam a passar por um processo de degradação..., apodrecimento.

Assim somos nós! Quando não somos consumidos, comidos e degustados pelo Amor, não somente tudo que fazemos vai perdendo sua utilidade, sua validade, mas vamos nos auto degradando, apodrecendo e perdendo o sentido de ser.

Dolorosa, aguda e verdadeira constatação, mas extremamente natural.

Ah! Você já olhou o dia de hoje? As Misericórdias do nosso dono se renovaram nessa manhã. Aqui em casa, seis e frescas horinhas da manhã. Isso significa que estamos em mais um dia na Fruteira do Amor.

Se deixe ser saboreado por Deus! Você não se arrependerá!

"Hummmmmm..."

Isso é Deus dizendo.

Rs...

Thiago

Read more...

EMANUEL

>> terça-feira, 23 de agosto de 2011

Em minha solidão infantil, por trás das portas a ouvir que não pertencia aqueles que chamava de família, chorei muito
Perguntei tanto as razões? Como chamei por Ti,
Minha vida até aqui foi uma tentativa de Te encontrar

Quantas noites, deitado na cama, me derramando em lágrimas clamava por Tua presença
Dormia cansado a espera de um abraço, de uma palavra, de uma presença
Todos os meus conflitos Te foram apresentados
Apesar de nunca ter ouvido a Tua voz, jamais deixei de Te fazer ouvir a minha

Foi assim, acompanhado dessa Tua presença ausente que minha história foi construída
Chamando de Voz o que procedia do meu coração
Chamando de Paz o fim das energias que combatiam dentro de mim

Busquei sempre Tua orientação e jamais saberei quando me guiaste ou não
Por isso não consigo culpá-Lo pelos erros, mas não consigo Te eximir de ser fundamento de tudo
Em Teu silêncio foste a causa de todas as coisas que fiz e que não fiz

Caminhei tanto Contigo tendo o som das águas como Tua Voz que comecei a entender o Vento
E hoje já não busco mais ouvir a Tua Voz
As próprias palavras da minha oração foram desaparecendo
E hoje parece que falamos, depois de muito tempo, a mesma linguagem

Jamais deixei de crer em Ti
Jamais questionei Teu Amor
Jamais neguei Tua Graça

Nos momentos onde me perdi
Onde as lágrimas já haviam secado
Onde o fogo havia se extinguido
E me permiti experimentar o vazio
Misteriosamente Tua presença ausente estava lá
E eu sempre descansava nos braços invisíveis
Por isso na tribulação a angústia jamais dominou meu coração
Apesar da perplexidade jamais desanimei em continuar Te buscando
E em todas as perseguições jamais me senti desamparado
E quando minha alma foi abatida, não foi destruída
E posso dizer que até aqui, mesmo sem nunca ter visto Seu rosto, me ajudou o Senhor

Neste momento meu coração fala
E mais uma vez sou levado a pensar que Tu falas em mim e por mim, mas para mim
Dizendo que eu já Te vi, Te ouvi, Te senti, cuidei e fui cuidado por Ti
Estavas o tempo todo no lugar que decidiste habitar, na carne humana
Mesmo que também, no Vento, nas águas, e na maresia que forjou minha alma

Sem Te ver, Te vi sempre
Sem Te ouvir, Tua Voz ecoa dentro de mim
Sem Te sentir, sou tocado o tempo todo
E sem Te conhecer, misteriosamente sei em Quem tenho crido

Ivo Fernandes
22 de agosto de 2011

Read more...

NÃO HAVERÁ REUNIÃO NOS DIAS 24 E 31/07 - Divulguem!

>> quinta-feira, 21 de julho de 2011

Meus irmãos em Jesus,

Paz e Graça!

Nos dois próximos domingos (24/07 e 31/07) não teremos o nosso encontro de domingo. Retomaremos nossas reuniões no dia 07/08, onde celebraremos a Ceia do Cordeiro e tomaremos nosso Café com Graça.

Eu e Aninha estaremos viajando e os amigos que comigo compartilham as responsabilidades na Estação, ou viajarão, ou não poderão estar nesses dias. Por isso o "feriado".

Bem, espero no Senhor, que cada um possa aproveitar da melhor maneira os últimos dias de julho, encontrando, re-encontrando, perdoando, comungando, continuando..., enfim, caminhando.

Seria muito grato se vocês nos colocassem em suas orações nesse tempo de viagem, meditação e reflexão.

Caso você queira contribuir com seus recursos, de modo a assistir nossos compromissos, é só rever os e-mails anteriores e realizar um depósito, doc, ou transferência para a conta do Wilkerson.

Muito obrigado!

Que Deus abençoe a todos!

Um beijo!

Thiago

Read more...

0 + 1 = 1, LOGO, SENTIR + CONFIAR = CONFIAR

>> quarta-feira, 6 de julho de 2011


Nos dias mais difíceis da nossa vida, onde nossas fragilidades ficam nítidas e cada vez mais perto nós, o que ameniza, acalma e acalenta o nosso coração é a sensação do amor, o sentir-se amado por alguém.

Não importa o que esteja acontecendo, mas a simples sensação do amor é semelhante a água lançada ao fogo, a um banho em dia de calor, uma golada de água no cansaço e estafe. Ah! Traz um alívio!

Todavia, essa sensação precisa acompanhar-se pela certeza absoluta de que se é amado de verdade; ou então não tem sentido! Imagine: você se sente amado por quem não confia? É meio complicado, não?

Portanto, a premissa de uma certa e verdadeira sensação de amor, é a confiança em alguém. Nada mais nem nada menos que isso.

A questão, é que muitas vezes nos viciamos na sensação. E pior, não balizamos a sensação na confiança. Agimos como adolescentes apaixonados, que só respondem ao fogo que queima seus corpos e os hormônios que fazem tremer. Assim, a sensação que não se faz acompanhar da confiança, geralmente e quase sempre, produz frustração porque é idolatria do momento e não a lucidez da caminhada, do dia-a-dia.

Agora, pare comigo e pense um instante. Transfira tudo que escrevi para seu relacionamento com Deus e veja o que acontece. Parou, pensou, viu?

Muitas vezes, por nos viciarmos na sensações, relativizamos a bondade e o amor de Deus por nós, por nossa inteira capacidade de sentir. Isso significa que se eu me sinto, por meio de uma música, uma alegria, um choro, um momento, uma oração, uma leitura, uma palavra, amado por Deus, então naqueles instantes Deus está me amando. Mas se em outro momento, geralmente nos mais difíceis, eu não consigo sentir, então, Deus não me ama mais, não gosta de mim; virou a cara, ficou de mal, fez "biquinho". É assim ou não é?

Isso acontece porque somos indivíduos que sofrem de "apaixonite aguda". Sentiu, constatou.

O caminho do Evangelho, entretanto, não é assim. Primeiramente vem a confiança e só depois o sentir..., e quando vem. Isso porque nós não vivemos só sentindo. Há outros elementos vitais. Aliás, só vale a pena sentir, se for de verdade, se for real, se gerar bom fruto, ainda que doa.

Mas como confiar? Conhecendo! Como conhecer? Experimentando! Como experimentar? Caminhando...

É assim com Deus, a cada caminho, uma experiência. A cada experiência, mais conhecimento. E quanto mais se conhece, mais se confia e mais se ama de verdade.

Você tem olhos pra ver o seu caminho com Deus hoje? Se você conseguir ver, a experiência, o conhecimento, a confiança e o amor de fato, virão a reboque.

Você consegue ouvir o sussurro de Deus agora? Se conseguir, o amor de fato, a confiança, o conhecimento e a experiência, virão acompanhados.

A pergunta que não cala...

"Como ver e como ouvir a Deus?"

Sabe de uma coisa, não sinta! Confie no que lhe digo, simplesmente! Olhos pra ver, ouvidos para ouvir, fé, são dons, graça, presentes que Deus não nega a quem quer e deseja.

No fim de tudo, você descobrirá também que até o desejo e querer de fé que habitou em você, foi dádiva dele para que você aprendesse pela simples confiança, o Amor, isto é,..., Deus.

Você precisa de ajuda hoje? Está mal? As coisas não vão bem? Se foi Deus que você conheceu, ainda que minimamente, sem religião, você sabe que já é o suficiente para confiar. Confie então! Corajosamente! Vá! E você descobrirá agora que o grande milagre é aprender a chamar sensação simplesmente de,...,...,...,confiança.

No Caminho da Fé,

Thiago

Read more...

O Crente e o Sexo - Papo de Graça

>> domingo, 29 de maio de 2011

Read more...

PRECISA-SE DE LOUCOS

>> segunda-feira, 16 de maio de 2011

De loucos uns pelos outros!

Que em seus surtos de loucura espalhem alegria; com habilidades suficientes para agir como treinadores de um mundo melhor, que olhem a ética, respeito às pessoas e responsabilidade social não apenas como princípios organizacionais, mas como verdadeiros compromissos com o Universo.

Precisa-se de loucos de paixão, não só pelo trabalho, mas principalmente por gente, que vejam em cada ser humano o reflexo de si mesmo, trabalhando para que velhas competências deem lugar ao brilho no olhar e a comportamentos humanizados.

Precisa-se de loucos por novas tendências, mas que caminhem na contramão da história, ouvindo menos o que os gurus têm a dizer sobre mobilidade de capitais, tecnologia ou eficiência gerencial e ouvindo mais seus próprios corações.

Precisa-se de loucos poliglotas que não falem inglês, espanhol, francês ou italiano, mas que falem a língua universal do amor, do amor que transforma, modifica e melhora, pois, palavras não transformam empresas e sim atitudes.

Precisa-se simplesmente de loucos de amor; de amor que transcende toda a hierarquia, que quebra paradigmas; amor que cada ser humano deve despertar e desenvolver dentro de si e pôr a serviço da vida própria e alheia; amor cheio de energia, amor do diálogo e da compreensão, amor partilhado e transcendental.

As Organizações precisam urgentemente de loucos, capazes de implantar novos modelos de gestão, essencialmente focados no SER, sem receios de serem chamados de insanos, que saibam que a felicidade consiste em realizar as grandes verdades e não somente em ouvi-las.

(desconheço o autor)

Read more...

DEUS É ALEGRE E EU QUERO SER TAMBÉM!...

>> quarta-feira, 4 de maio de 2011

Deus é alegre.
Deus é feliz.
Deus é amor.
Ora, o amor é feliz, se alegra, exulta, come e bebe contentamento, até quando não há razões externas; posto que a alegria do amor não venha de baixo, mas de cima... Sim, vem do alto; vem de Deus; e não depende de mais nada além da felicidade de Deus, da paz de Deus e do Gozo do Amor no qual Deus É.
Afinal, se Deus me manda ser alegre, grato e contente, é porque Ele mesmo é assim...
Deus grato?...— que blasfêmia!
Grato a “Quem”?...
Não sei como é..., mas sei que Deus é grato assim como Jesus demonstrou gratidão sempre.
Ora, se Deus se entende com Deus por mim, segundo o patriarca Jó; e se Jesus disse que Deus é manso e humilde de coração...; e se Paulo disse que Deus se submeteu a Deus em Jesus — então, para mim, é simples crer que Deus seja também grato e feliz.
Afinal, a alegria do Senhor é a nossa força!
Toda a tônica da Escritura quando se trata de bem-aventuranças, sempre nos remete para a alegria.
Os salmos são convites regulares e freqüentes à alegria, ao salmodiar, ao fazer poesia para Deus e para a vida...
Os Profetas sempre dizem que o sinal da reconciliação do homem com Deus implica em alegria, em festa, em folguedo, em dança, e baile de gratidão.
No Evangelho tudo é alegria, até a lágrima que faz o coração estranhamente feliz: uma verdadeira bem-aventurança.
Sim, até o fim do mundo deve ser visto com exultação prospectiva, pois, se crê que haverá novos céus e nova terra.
Segundo Jesus, a grande resposta do homem à calamidade, à perseguição que aconteça em razão da verdade e da justiça, deve levá-lo para um lugar de exultação.
“Alegrai-vos”; “exultai”; “erguei as vossas cabeças” — são expressões que nos mandam abraçar a alegria mesmo que seja enquanto se foge, errantemente..., e sem chão no mundo...
Paulo nos diz que o grande poder na vida é contentamento sempre, é gratidão sempre, é a capacidade de poder tudo Naquele que nos fortalece; seja no tudo do tudo..., ou seja no tudo do nada...
Provavelmente o grito mais emblemático desse mandamento existencial da alegria venha do Profeta Habacuque, quando disse que deveríamos viver alegres com uvas ou com espinhos, com leite ou com lama, com pastos verdes ou na grama marrom da seca, tendo ou não tendo, ou até esperando e vendo a promessa mentir ou atrasar-se... — enfim, em qualquer circunstância; e sempre dizendo: “Ainda que seja tudo ruim, eu me alegro no Senhor, no Deus da minha salvação”.
No entanto, o contentamento, a alegria, a gratidão que vêm de Deus, só se estabelecem em nós com a invasão da eternidade no coração do homem, e com a consciência em fé que o faça transcender..., sim, na esperança da glória de Deus; pois, somente depois disso é que se dá o passo seguinte, que é aprendermos a nos gloriar nas próprias tribulações.
Em Paulo, sua maior exortação à alegria foi feita enquanto ele estava preso em um calabouço gelado e sem amigos...
Assim, saiba:
Você não tem que andar gargalhando...
Alegria não é gargalhada necessariamente...
Ao contrario, muitas vezes as alegrias mais profundas vêm nas correntes das lágrimas...
Entretanto, seja sorrindo seja chorando, a alma pode aprender a alegria e a serenidade exultante no espírito!
Sim, pode; pois o Espírito da Vida habita em nós!

Nele, que viu o fruto do penoso trabalho de sua alma e ficou satisfeito,


Caio
9 de agosto de 2009

Read more...

Evangélicos fazem a diferença no momento da tragédia, afirma jornal!

>> quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Evangélicos fazem a diferença no momento da tragédia, afirma jornal!


Silas Malafaia vende seu avião e compra mantimentos para as vítimas da tragédia na Serra do Rio Janeiro.

Bancada evangélica ameaça trancar a pauta de votação do congresso até que sejam tomadas medidas definitivas para evitar outras tragédias como esta.

RR Soares reverte as receitas dos carnês de patrocinadores para os desabrigados das tragédias.

Apóstolo Estevam e Bispa Sônia desviam a Marcha para Jesus para a Serra Fluminense e a renomeiam "Marcha Por Jesus!", uma multidão a serviço da vontade do Senhor Jesus junto ao seu povo sofrido.

Bola de Neve TV não passa campeonato de surf ou skate sábado a noite para divulgar locais de doações e voluntariado para atuar na serra fluminense.

Valdemiro Santiago coloca seus dois helicópteros a disposição das equipes de resgate e sai a campo com seus bispos para levar seus estoques de água 100% Jesus às vitimas.

Edir Macedo, mesmo não sendo cristão, desiste da construção de seu templo de Salomão e doa o material de construção para o reparo dos que perderam tudo.

Rene Terra Nova faz um ato profético em favor das vítimas: Vai ao banco e transfere o dinheiro arrecadado para a Festa dos Tabernáculos para a conta da Cruz Vermelha, para que esta compre tendas e alimentos para os desabrigados.

Bispo Rodovalho troca as emendas que fez para festas no Ministério do Turismo por verbas emergenciais para os desabrigados.


Ana Paula Valadão recebe uma revelação de que há um tripé sobre a Serra do Rio de solidariedade, amor ao próximo e humildade e decide realizar três shows com renda revertida aos desabrigados.


Todas as igrejas evangélicas do Rio de Janeiro interrompem seus serviços internos e abrem seus espaços aos desabrigados, enquanto seus membros ajudam no consolo dos que perderam tudo.

O pastor da igreja protestante tradicional justifica: Neste momento, não há nada que glorifique mais o Senhor do que isto.


Oremos para que um dia ao menos uma ou duas destas manchetes não soem como piada ou provocação, mas como coisa natural entre o povo de Deus.



Fonte: http://www.genizahvirtual.com/2011/01/evangelicos-fazem-diferenca-no-momento.html
"Quem tem ouvidos pra ouvir, ouça..."

Read more...

Vieste e Iluminados

>> segunda-feira, 6 de dezembro de 2010


Galera, escutem isso...com disposição de alma...por favor!

Thiago



VIESTE: Ivan Lins / Vitor Martins

Vieste na hora exata
Com ares de festa e luas de prata
Vieste com encantos, vieste
Com beijos silvestres colhidos prá mim
Vieste com a natureza
Com mãos camponesas plantadas em mim

Vieste com a cara e a coragem
Com malas, viagens, prá dentro de mim
Meu amor

Vieste a hora e a tempo
Soltando meus barcos e velas ao vento
Vieste me dando alento
Me olhando por dentro, velando por mim

Vieste de olhos fechados num dia marcado
Sagrado prá mim
Vieste com a cara e a coragem
Com malas, viagens, prá dentro de mim
Meu amor
______

ILUMINADOS - Ivan Lins / Vitor Martins

O amor tem feito coisas
Que até mesmo Deus duvida
Já curou desenganados
Já fechou tanta ferida
O amor junta os pedaços
Quando um coração se quebra
Mesmo que seja de aço
Mesmo que seja de pedra
Fica tão cicatrizado
Que ninguém diz que é colado
Foi assim que fez em mim
Foi assim que fez em nós
Esse amor iluminado...

Read more...

Tradutor de Blog

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Ir para o TOPO